CPFL nas escolas

Por Roseli Bazani Felippe

Sobre eu

Sou a professora Roseli e minha turma é o 4º ano A, uma sala cheia de energia e disposição para aprender e conhecer novas metodologias e formas de melhorar a comunidade, como eles mesmos dizem!

Minha história

Durante a aula de mapeamento escolar, os alunos puderam ver na prática como a energia é distribuída pelos diversos equipamentos do local onde estudam. Eles tiveram a liberdade de andar por todos os pontos da escola e avaliar se a energia estava sendo bem consumida e o que poderia ser feito para melhorar o que julgassem necessário; logo após eles conhecerem os aparelhos eletrônicos, fizemos uma entrevista com o secretário e uma auxiliar de serviços gerais, nas quais eles puderam tirar dúvidas como ‘horário e quem acende/apaga as luzes’, época do ano que mais tem consumo de energia, se alguém monitora o consumo, entre outros questionamentos. Com isso, os alunos criaram um pensamento crítico e foram capazes de elaborar maneiras de economia na escola.

Os resultados dessa ação

Com isso, os alunos começaram a observar quando tem luzes acesas desnecessariamente, pedem para que as janelas e portas fiquem abertas, evitando o uso de ventiladores e também foram capazes de transmitir os ensinamentos sobre consumo energético aos pais e familiares, sendo assim, aumentando a visão sustentável de muitas famílias do bairro