Atividade 1

Por Luciana Aparecida dos Santos Gonçalves

Sobre eu

Luciana, professora do 4º ano da EMEF Taquara Branca na cidade de Hortolândia.

Minha história

O 4º ano da EMEF Taquara Branca Agenor Miranda da Silva, da cidade de Hortolândia, iniciou o projeto da CPFL nas escolas: Energia em jogo com uma divertida experiência. Conhecemos a Carreta da CPFL, os alunos ficaram encantados ao conversar com os cientistas do projeto e poder vivenciar diversos tipos de energia. Ao chegar em sala de aula, os alunos receberam as apostilas e começamos a leitura em uma roda da conversa, trocamos experiências e levantamos diversas hipóteses sobre os possíveis problemas elétricos que poderíamos encontrar na escola. Foi então, que os alunos saíram em duplas para observar os equipamentos, anotamos tudo que encontramos e para organizar melhor as informações os alunos tiveram a brilhante ideia de criar gráficos com as informações do Mapeamento. Após criarem os gráficos fizemos um cartaz para que os alunos da escola também tivessem acesso a essas informações, como a quantidade dos equipamentos e quantos estão quebrados ou com problemas. Os alunos também realizaram uma entrevista com a gestora da escola, foi um momento muito importante, de tirar todas as dúvidas que eles tinham e de descobrir outros problemas, como por exemplo na rede elétrica, quedas de energia e instalações antigas da escola.

Os resultados dessa ação

Após descobrirem todos problemas nos equipamentos elétricos, chegou o momento de organizar quais podemos resolver e quais precisamos levar para a direção da escola. Os alunos durante a observação notaram que as salas de aula ficam com as luzes acessas quando não há ninguém, que os computadores da sala de informática são deixados ligados após o uso e decidiram criar placas de avisos para as pessoas lembrarem de desligar e economizar a energia. Quanto aos outros problemas, como; lâmpadas queimadas e tomadas no padrão antigo, escrevemos uma carta para a gestão da escola, relatando o que foi encontrado e as dificuldades que os alunos estão tendo, aguardamos um retorno para que seja solucionado o quanto antes. Enquanto isso continuaremos fazendo a nossa parte.